Veículo disfarçado com adesivos de empresa de energia levava 1 tonelada de droga

Traficantes usavam veículo com adesivos de uma empresa de distribuição de energia elétrica para tentar enganar a polícia, mas a tática não funcionou e a carga de 1.100 quilos de maconha foi apreendida antes de deixar a faixa de fronteira.

A apreensão foi feita por policiais do DOF (Departamento de Operações de Fronteira) na tarde desta segunda-feira (18) na MS-156, em Laguna Carapã. A droga estava em uma Fiat Strada. Duas pessoas foram presas em flagrante.

Segundo o DOF, para tentar ludibriar a fiscalização, os traficantes colocaram adesivos da empresa de energia e deixaram o carro com as mesmas características dos veículos usados pela concessionária.

Continua após publicidade

Os policiais faziam bloqueio na rodovia quando visualizaram a Strada e deram ordem de parada. O condutor, de 24 anos, não obedeceu à ordem e fugiu. Ele e o comparsa foram perseguidos por 30 quilômetros e durante a fuga o motorista chegou a jogar o carro contra os outros veículos que seguiam na direção contrária.

A Strada foi alcançada pela viatura e os dois homens presos. Na carroceria foram encontrados 1.175 quilos de maconha. Os dois homens disseram que pegaram o veículo já carregado em Ponta Porã e levariam até Nova Andradina, por R$ 5 mil pelo transporte.

O material apreendido, avaliado em R$ 1,8 milhão, foi encaminhado juntamente com os presos para a Defron (Delegacia de Repressão aos Crimes de Fronteira) em Dourados.

Fonte: Campo Grande News