Suspeitos de ligação com o PCC, dois brasileiros são presos na fronteira de MS

A polícia paraguaia prendeu nesta terça-feira (8), em Capitán Bado, na fronteira com Coronel Sapucaia, no Mato Grosso do Sul, dois brasileiros identificados como Ricardo de Souza Ferreira, de 32 anos, e João Paulo Silva Gómez, de 30. Eles possuem extensa ficha criminal e são apontados como supostos membros do PCC (Primeiro Comando da Capital).

A prisão da dupla aconteceu durante patrulhamento de uma equipe do Departamento de Investigação de Atos Puníveis de Amambay. Eles foram considerados suspeitos por envolvimento em um assalto na cidade paraguaia.

Durante a checagem dos documentos, os policiais descobriram que João Paulo Silva Gómez, é acusado de contratar pistoleiros para cometer crimes de aluguel na cidade de Capitán Bado. Ele também tem mandado de prisão por homicídio no Brasil e por fuga.

Já Ricardo de Souza Ferreira tem registro de contrabando no Brasil. No Paraguai, ele aparece com ordens de medidas cautelares por tráfico de drogas e armas, além de tráfico internacional de drogas e associação criminosa.

Fonte: midiamax