“Sintonia” do PCC na fronteira é preso após bater na ex-namorada

Policiais da 1ª Delegacia de Polícia de Ponta Porã prenderam nesta quinta-feira (23) um homem de 23 anos, acusado de sequestrar, agredir fisicamente, ameaçar e estuprar sua ex-namorada. Além disso, foi cumprido um mandado de busca e apreensão na residência do indivíduo.

Conhecido como “Playboy”, ele assumiu ser integrante da facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital). Seria “sintonia” da organização, espécie de liderança da cúpula.

Segundo a vítima, em 16 de junho deste ano, ela encontrou seu ex-namorado em uma festa. No local, por ciúmes, o bandido teria quebrado uma garrafa de bebida na cabeça dela e a levado para um lugar ermo, de mata, dizendo que iria matá-la.

A vítima disse que posteriormente foi levada para a residência do autor, onde teria sido forçada a manter relação sexual com ele. Como o homem havia ingerido bebida alcóolica, ele acabou dormindo e a mulher conseguiu sair da casa e procurar ajuda da polícia.

Após registrar o Boletim de Ocorrência, a prisão preventiva do suspeito foi decretada e a equipe de policiais conseguiu encontrá-lo e prendê-lo. Na delegacia, o suspeito negou o crime de estupro, assumindo os demais fatos e informou ainda ser batizado na facção criminosa que atua nas principais cidades do Brasil e do Paraguai, sendo que o pai dele teria sido preso pela Polícia Federal e encaminhado para o presídio Federal, onde permanece até os dias atuais. O autor permanecerá detido e à disposição do Poder Judiciário.

fonte: Dourados Informa

continua após publicidade 

MUNDO DAS TINTAS O NOME FORTE EM TINTAS.
VENHAM CONFERIR AV. ROSARIO CONGRO N. 2543 PROXIMO AO NATELHA CUPIM OU LIGUE 99295.1780