POLÍCIA CIVIL DE BRASILÂNDIA PRENDE HOMEM EM FLAGRANE POR ESTUPRO DE VULNERÁVEL.

A Polícia Civil de Brasilândia prendeu no início da noite de quarta-feira, um indígena morador da Aldeia Ofaíe, acusado de estupro de vulnerável.
O crime ocorreu pela manhã, quando a vítima, uma adolescente de 12 anos de idade, moradora da mesma terra indígena, procurou o Conselho Tutelar e narrou ter sido assediada pelo indígena, fato ocorrido em um local isolado no interior da terra indígena.
O fato foi levado ao conhecimento da Polícia Civil, que deslocou uma equipe até a terra indígena e após algumas horas de busca conseguiu localizar o suspeito, que tem 51 anos de idade, quando ele deixava uma área de mata existente no local. Ele foi capturado e preso em flagrante delito.
A Polícia Civil recebeu informações de que possa existir outras vítimas do mesmo agressor. Pelo menos uma já foi identificada e prestou declarações. A Polícia civil trabalha em conjunto com o Conselho Tutelar e com a liderança indígena para identificar outras vítimas do mesmo suspeito.
O suspeito MS, 51 anos de idade, foi autuado em flagrante delito e permanece recolhido na cela da Delegacia de Polícia de Brasilândia. O suspeito foi interrogado pelo Delegado de Polícia ainda na noite de ontem e negou a prática dos crimes.
A Polícia Civil não prestará informações sobre a identidade da vítima e tampouco outros dados como filiação, vínculos familiares com o suspeito, etc a fim de preservar a identidade da vítima.

Denúncias anônimas podem ser enviadas pelo WhatsApp 67 999195990. O anonimato é garantido.

continua após publicidade

Fabiano Multas, na defesa do seu direito de dirigir 🚙
📲(67)99337-7735 ou (67)99866-9338
📩[email protected]