Ícone do blues em MS, cantor ‘Zé Pretim’ é encontrado morto em casa

Foi achado morto, no apartamento onde vivia, o cantor “Zé Pretim”, de 66 anos. Ícone do blues num estado dominado por música de outras vertentes, José Geraldo Rodrigues foi achado por uma vizinha.

“Pretim”, a caminho dos 70 anos, tinha o que os amigos definem como “saúde frágil”. Cinco atrás, chegou a se internar em uma clínica de reabilitação, para tratamento da dependência química em álcool e drogas.

Não se sabe ainda detalhes de como ele faleceu. A informação está circulando em grupos de músicos, que manifestação muita tristeza.

O Samu (Serviço Móvel de Atendimento de Urgência) e a Polícia Civil enviaram equipes ao lugar, uma vez não se sabe a circunstâncias.

O músico nasceu em Minas Gerais, mas se radicou em Mato Grosso do Sul há mais de 4 décadas.

“Bluesman do Pantanal” era uma das formas como “Zé Pretim” também ficou conhecido, pela escolha do ritmo criado nos Estados Unidos.

O artista chegou a se apresentar em programas nacionais e era muito respeitado na classe musical. Autodidata, se dizia iletrado, mas na guitarra, era visto como genial.

(CREDITOS G1 MS)