Como retirar a 2ª via do CPF e do RG de graça?

Perder a carteira de identidade ou ter ela furtada pode ocorrer com todo mundo. Para tirar a 2ª via do Registro Geral (RG) é preciso desembolsar de R$ 25 a R$ 96, a depender do estado, mas existe a possibilidade de isenção em algumas situações. Confira os critérios estabelecidos, a seguir.

Tirar a 2ª via do RG é grátis para os seguintes grupos de pessoas e situações:

Cidadãos que se auto declaram pobres (necessário apresentar o NIS);Homens acima de 65 anos;Mulheres acima de 60 anos;Desempregados há mais de 3 meses (precisa apresentar carteira de trabalho atualizada);Erro na digitação do RG constatado no prazo de 90 dias.Ter o RG roubado, em até 30 dias do registro de Boletim de Ocorrência;Ter a Carteira de Identidade danificada ou extraviada por desastre natural, com prazo de 90 dias do ocorrido, mediante apresentação de Boletim de Ocorrência com registro explícito da catástrofe;

Lembrando também que a 1ª via do documento sempre será gratuita, independente da situação que o cidadão se encontra.

continua após publicidade 

BECELLI CASA DE CARNES
Rua: Bom Jesus da Lapa, 4079, vila Alegre (esquina com Alba Cândida Pereira)
Fone (67) 99658-6422

2ª via do CPF

Mesmo estando incluso no RG, quem quiser tirar uma 2ª via do CPF a parte, pode fazer isso online da seguinte forma:

  • Acesse o Atendimento Virtual (e-CAC) e clique em ‘Meu CPF’;
  • Faça o login no portal Gov.br;
  • Clique em “Cadastros” e “Comprovante de Inscrição do CPF”.

Por onde solicitar o RG?

Existem três lugares onde é possível solicitar o RG, são eles: a Secretaria de Segurança Pública, Poupatempo ou a Polícia Civil. Os seguintes documentos são necessários para solicitar a emissão:

  • Certidão de nascimento original ou cópia simples;
  • CPF original ou comprovante de cadastro da Receita Federal.
  • 2 fotos 3 x 4 originais e recente;
  • Certidão de casamento original ou cópia simples (caso você seja casado).

Para obter a isenção da 2ª via, outros documentos como Boletim de Ocorrência, carteira de trabalho e número do NIS podem ser solicitados.

 

fonte: Seu Crédito digital